Hide Button

Índice das ofertas dos ministérios de Sammy Tippit nas seguintes línguas:

English  |  中文  |  فارسی(Farsi)  |  हिन्दी(Hindi)

Português  |  ਪੰਜਾਬੀ(Punjabi)  |  Român

Русский  |  Español  |  தமிழ்(Tamil)  |  اردو(Urdu)

devotions
Moisés, o Amigo de Deus

Quando a vida chegar ao fim, como você gostaria de ser lembrado? Que legado você quer deixar? Se você pudesse escolher uma frase para sua lápide, o que você gostaria que descrevesse sua vida? A resposta para essas perguntas dão uma definição sucinta de quem você é.

Moisés é descrito de muitas maneiras na Bíblia. Ele é chamado de "homem de Deus, o maior profeta a chegar em Israel e um servo do Senhor". Mas, uma das descrições mais interessantes de Moisés é a de "amigo de Deus". A Bíblia diz: "Falava o Senhor a Moisés face a face, como qualquer fala com o seu amigo" (Êx. 33:11). Moisés manteve um relacionamento íntimo com Deus - tanto que ele seria conhecido como amigo de Deus.

Muitas pessoas me disseram que Deus é amigo delas. Mas, eu raramente ouço alguém dizer: "eu quero ser amigo de Deus". Um amigo de Deus é aquele que ouve e obedece a voz de Deus. No relacionamento de Moisés com Deus, não era somente Moisés que falava. Ao contrário, ele ouvia a voz de Deus.

Muitos anos atrás, enquanto eu visitava Israel, um crente judeu me disse: "Muitas pessoas vêm ao meu país com motivações diferentes. Elas vêm como turistas ou para aprender sobre a Bíblia. Mas, poucas vêm com um coração para conhecer melhor a Deus". Ele continuou: "Eu quero ser um homem que conhece o coração de Deus. Eu quero ser um amigo de Deus."

O homem ou mulher de Deus é aquele que é amigo Dele; um que tem aprendido a ouvir e comunicar-se num nível íntimo com Deus. Os grandes ladrões de tal intimidade são uma agenda cheia e muitas responsabilidades. Geralmente, elas impedem um nível profundo de comunicação. Contudo, Moisés recusou-se deixar isso acontecer. Ele era um homem extremamente ocupado. Ele foi responsável por quase 3 milhões de pessoas. Ele tinha o fardo de alimentar, vestir, dar moradia e transportá-los.

Como Moisés poderia cuidar dessas responsabilidades e, simultaneamente, ter tempo suficiente para ser "um amigo de Deus"? Simples. Ele tinha uma tenda e ele a montava fora do acampamento (local onde a multidão morava). Ele ia lá e se encontrava com Deus. Era um lugar retirado o suficiente para permitir que ele tivesse uma conversa íntima com Aquele que ele amava. O amigo de Deus vai encontrar um lugar e um horário onde ele vai ficar sozinho e ouvir o coração de Deus. Ele vai chegar com uma Bíblia na mão e ouvidos espirituais para ouvir a voz de Deus. E Deus pode confiar a Ele os segredos íntimos de Seu coração.

O amigo de Deus não é aquele que se apressa para entrar e sair da presença de Deus. Leva tempo para se comunicar. Martin Luther costumava dizer que, quanto mais ocupado ele ficava, de mais tempo ele precisava para orar. Muitos de nós temos uma resposta oposta às muitas responsabilidades e agenda cheia. A primeira coisa que fazemos é cortar nosso tempo íntimo com Deus. Mas, se nós verdadeiramente desejamos ser homens ou mulheres de Deus, vamos aprender que não podemos passar sem um tempo bom de comunhão com o nosso Pai. Vamos repriorizar. Nossa amizade com Deus ficará em primeiro lugar nas nossas vidas.

Que legado você quer deixar para seus filhos e netos? Isto depende do que é importante. E nós sempre separamos tempo para as coisas que são importantes. Quão importante é para você ser amigo de Deus?